Maior São João do Mundo | Brandão acompanha celebração cultural e o desenvolvimento econômico em diversos pontos da Grande Ilha

0

O governador Carlos Brandão percorreu os arraiais da Grande Ilha de São Luís, para acompanhar, de perto, a magnitude deste grande momento no calendário cultural do Estado, já consolidado como O Maior São João do Mundo. Neste sábado (18), Brandão visitou os arraiais da Praça da Fé, no Centro Histórico; do Parque da Juçara, no Maracanã; o da Cidade Operária e o Arraial Pertinho de Você, na Cohama.

Na Grande Ilha, as festas de São João no Maranhão estão sendo realizadas em diferentes pontos, para que mais pessoas possam participar. A iniciativa é importante para incluir comunidades que normalmente não teriam a chance de estar na festa, e também para fortalecer a cultura maranhense.

Durante o percurso, o governador Carlos Brandão ressaltou que o Maior São João do Mundo não é apenas uma celebração cultural, mas um motor de desenvolvimento socioeconômico. Os arraiais por todos os cantos do estado valorizam as tradições locais, promovem a inclusão social, a geração de emprego e renda e a movimentam a economia maranhense.

“Estamos dando um giro na nossa cidade para acompanhar o São João de perto. É arraial para todo lado, todo mundo se divertindo e fortalecendo a nossa cultura e, ao mesmo tempo, para que as pessoas possam vender os seus produtos e ganhar o seu dinheiro; inclusive, pelo programa Mais Renda. Esse é o nosso São João de alegria, um programa de cultura e de geração de emprego e renda”, pontuou o governador.

Os arraiais se tornam verdadeiros pontos de encontro, onde as pessoas se divertem, apreciam a cultura maranhense e contribuem para o crescimento econômico da região. A empresária Socorro Lopes, por exemplo, é piauiense e vive no Maranhão há 30 e trouxe a irmã Ana Maria Lopes para conhecer.

“A diversidade de coisas, o artesanato, tudo muito lindo e maravilhoso, tudo a ver com o nosso Maranhão e nossa ilha. Eu trouxe uma irmã que é de Teresina e também está amando. Eu amo, já faz 30 anos que estou por aqui, sou mais maranhense do que piauiense, inclusive”, afirmou a empreendedora.

A presença de visitantes de outras regiões, como a turista Ana Maria Lopes de Teresina, contribui para o turismo regional, impulsionando a economia de hospedagem, transporte e comércio local. “O Arraial do Ipem é muito bom, bonito e divertido. Estivemos andando e vendo os artesanatos, inclusive, comprei agora uns colares. Sobre as atrações, muito bonitas, maravilhosas”, disse a piauiense.

A partir do modelo de festa descentralizada, o governo do Maranhão segue mostrando ao Brasil e ao mundo a riqueza de sua cultura estadual. A gestora pública Deuzenir Szekeresh expressou sua alegria em fazer parte da festividade, destacando a conexão com a cultura local e a sensação de estar imersa na brincadeira ao observar os tambores de crioula.

“Eu acho São João do Nordeste maravilhoso, eu sou maranhense da gema e amo São João. Tá lindo, o governo está de parabéns, isso aqui é novidade, foi um sentimento local e maranhense de olhar o tambor e dar vontade de tocar, me senti dentro da brincadeira”, parabenizou Szekeresh.

O Arraial do Ipem, no Calhau, é um dos exemplos de maior diversidade da festa maranhense e conta, além de toda a diversão, com vacinação para proteger as pessoas da Influenza e da covid-19. A maranhense Túlia Saraiva, que é universitária mora fora do Brasil, voltou para as festividades e ficou surpresa com toda a estrutura preparada pelo estado.

“Eu achei superinteressante, eu realmente não esperava um ponto de vacinação. Achei ótima a opção de poder se vacinar enquanto a gente se diverte. As primeiras impressões do Arraial do Ipem foram ótimas, tá bem organizado, bem seguro, as atrações são muito legais e além da diversidade de barraquinhas que é muito diferente dos outros arraiais. É uma ótima opção”, disse a estudante.

Vale destacar que, neste fim de semana, foi dada a largada para 11 arraiais em toda a Grande Ilha, bem como a já consolidada Travessia Junina (partindo da Península da Ponta d’Areia até a Avenida Beira-Mar) e que, nos próximos dias, serão iniciados os arraiais regionais em Imperatriz, Timon, Pinheiro e Barreirinhas, além festejos em diversos municípios, ampliando O Maior São João do Mundo para os quatro cantos do Maranhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.