Início Site

ESPORTES | Colinas terá arena de futebol society

0

Inauguração será no próximo sábado, dia 26. O campo foi iniciado do zero, com tapete de grama natural, irrigação automática, poço artesiano, refletores profissionais em LED, uma estrutura de ponta.

Será inaugurada nesta tarde de sábado (26/09), a mais nova arena de Colinas – Arena Society RM4 – de propriedade do empresário Raimundo Márcio (ramo imobiliário), localizada no Residencial Pinheiro, no coração da cidade. O campo foi iniciado do zero, com tapete de grama natural, irrigação automática, poço artesiano, refletores profissionais em LED, uma estrutura de ponta!

O comando administrativo da Arena ficará por conta do ex-jogador profissional Junior Maranhão, eterno craque colinense, que realizará, logo de cara, dois torneios no fim de semana: veteranos e jovens, com a seguinte premiação:

Veteranos (26/09) – 16h30 Jovens (27/09) –  9h
Campeão – R$ 900,00 Campeão – R$ 550,00
Vice – R$ 550,00 Vice – R$ 250,00

 

Os torneios obedecerão todos os protocolos sanitários, visando inibir a disseminação do Covid-19, tais como: distanciamento social, uso de máscara por quem não estiver jogando e álcool em gel.

Os torcedores/jogadores poderão adquirir por lá mesmo, água mineral, cervejas variadas e refrigerantes, que estarão à venda na Arena.

Dessa forma, colinenses, vamos prestigiar essa nova área esportiva da cidade e torcer por nossos amigos!

Pesquisa Escutec mostra liderança folgada de Valmira em Colinas

0

Pelo levantamento, a prefeita da cidade seria reeleita se as eleições fossem hoje; pesquisa ouviu 400 eleitores nos dias 13 e 14 de setembro

O Instituto Escutec traz nova pesquisa de intenção de votos no município de Colinas. Se as eleições fosse hoje, a prefeita Valmira Miranda seria reeleita. Entre os cenários do levantamento, no estimulado, a gestora aparece com 59% da opinião dos entrevistados.

A pesquisa foi feita nos dias 13 e 14 de setembro e ouviu 400 eleitores da cidade. O intervalo de confiança é de 10% e a margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos. Na Justiça Eleitoral, a pesquisa está registrada com o número MA 02903/2020.

Cenários

Dois cenários foram considerados na pesquisa Escutec: um espontâneo e outro estimulado. Nas duas situações, Valmira Miranda lidera. No cenário espontâneo, a atual prefeita aparece com 51% das intenções de votos contra 30% de seu adversário, Dr. Antônio Carlos. Nenhum dos candidatos somou 6% e não sabe ou não respondeu, 13%.

No cenário estimulado, Valmira Miranda alcança 59% da opinião dos entrevistados. Dr. Antônio Carlos aparece com 35%.

Sobre perspectiva de vitória, 61% dos eleitores ouvidos disseram que acreditam que Valmira Miranda vencerá as eleições deste ano. Outros 24% afirmaram ser Dr. Antônio Carlos quem será eleito.

Também foi questionado ao eleitor se há possibilidade de mudança de voto antes do dia do pleito. Disseram que não mudarão o voto 75% dos entrevistados e outros 17% afirmaram que mudariam. Não sabe ou não respondeu somaram 8%.

Rejeição

Sobre a rejeição, segundo a pesquisa Escutec, 51% dos eleitores disseram não votar de jeito nenhum no Dr. Antônio Carlos. Outros 35% afirmaram que não votariam em Valmira Miranda. Nenhum dos candidatos foi a opção de 9% dos entrevistados e não sabe ou não respondeu, 5%.

Aprovação

A gestão da prefeita Valmira Miranda foi avaliada pelos eleitores ouvidos pelo Instituto Escutec. Disseram aprovar a administração em Colinas 62% dos entrevistados enquanto outros 31% afirmaram desaprovar.

Na avaliação conceitual, a prefeita Miranda tem sua gestão considerada como ótima por 10% dos ouvidos, consideram boa outros 40% e regular, 27%. Consideram ruim a gestão 10% dos eleitores e péssima, 6%. Não sabe ou não respondeu somaram 7%.

Fonte: Jornal O Estado.

NOTAS CURTAS DA SEGUNDA

0

Carlos bate um bolão

Não é só na política que o vice-governador Carlos Brandão bate um bolão. Exímio articulador político, com nomes fortes disputando eleições com chances reais de vitória na maioria dos grandes colégios eleitorais, inclusive São Luís, CB é também um craque do basquete, como mostra o vídeo acima e essa cesta de três pontos que fez ao reinaugurar a reforma de uma quadra na Lagoa da Jansen.

Picou a mula I

Nem bem terminou o período de convenções o pré-candidato Antonio Carlos já se mandou pra São Luís. Foi visto rodeado de amigos da capital e sem usar máscara. A Covid que lute.

Picou a mula II

Quem também se mandou quase que ao mesmo tempo para Recife, onde mora, foi o pré-candidato a vice-prefeito na chapa de Antonio Carlos, o também médico Reinaldo Filho. Os dois não aguentavam mais os dias quentes nessas terras tupiniquins.

A chapa dos ausentes

Reinaldinho e Antônio Carlos: a chapa dos ausentes.

Apesar de nascido em Colinas, a vida de Antônio Carlos é em São Luís, onde tem família, vive e trabalha. Já Reinaldinho nasceu em Teresina, onde também foi criado, passava férias em Passagem Franca e hoje vive no Recife.  Duvido se sabe ir do centro da cidade ao Papoco sem se perder.

Em comum

Há muito em comum entre Antonio Carlos e Reinaldo Filho, além do fato dos dois serem médicos: eles não moram em Colinas e só aparecem em tempos de eleição. Não é exagero dizer que os dois não passaram sequer 40 dos 1460 dias desses últimos quatro anos na cidade.

Filhos da terra

Ao contrário dos dois estranhos que querem comandar a cidade por telepatia e sob a tutela de um ficha suja, temos do outro lado Valmira e João Haroldo, dois colinenses que se não passaram os 1.460 dias desses quatro anos em Colinas, andaram bem perto disso.

Os órfãos da terra

Com a partida dos cabeças de chapa da cidade nesse período de pré-campanha, seus correligionários estão assim meio que órfãos sem saber o que fazer. Com isso, Reinaldo Sousa pai já reina absoluto como herdeiro único do espólio eleitoral carlista, inclusive recebendo gente do povo e prometendo até empregos numa eventual gestão carlista.

Ganha um doce

Ganha um doce quem for agora nas casas de Antonio Carlos e Reinaldinho e encontrar os dois lá esparrados em seus sofás ou recebendo algum aliado ou quiçá até fazendo uma consulta médica em alguma pessoa. No máximo vai encontrar o líder substituto Reinaldo Sousa já posando de chefe de tudo e traçando rumos de campanha.

A esperteza da raposa

Aliás, quando optou pela coligação com o grupo carlista a velha raposa Reinaldo Sousa não quis ou pediu qualquer vantagem pessoal. Na verdade ele tá é de olho no eleitorado de Antonio Carlos. Como todos devem imaginar, pela idade que tem, mais de 70 anos, essa deve ser a última eleição a ser disputada pelo ex-prefeito. Com isso, já que foi alçado ao posto de segundo mais importante do grupo, Reinaldo Sousa imagina que toda herança eleitoral da oposição vai cair de bandeja em seu colo.

Contemporâneos

Reinaldo e Antonio Carlos devem ter a mesma idade. A questão é que o ex-prefeito colinense não tem herdeiro político, ao contrário da raposa de Passagem Franca, que pensa em lançar o filho Reinaldinho candidato a prefeito de Colinas em 2024.

Está nascendo um novo líder

A bem da verdade, com a ida da raposa velha Reinaldo Sousa para o lado de Antonio Carlos e já de cara sentando na janela e ocupando o lugar de segundo mais importante do grupo, próceres como Shâmia, Zé Eider, Antonio Menezes, Joaci José, Stênio DD, Daniel Passos e outros que há anos militam na oposição colinense serão relegados à condição de coadjuvantes e terão que seguir as orientações políticas do ficha suja de Passagem Franca. Deu foi ruim.

Pesquisa

Amanhã, dia 22, o Jornal O Estado do Maranhão, do Sistema Mirante, deve divulgar pesquisa de intenção de votos realizada em Colinas pelo Instituto Escutec.

Pensando bem…

Se inventaram a modalidade de ensino à distância, o EAD, Antonio Carlos e Reinaldinho vão inventar a modalidade de campanha à distância, o CAD. (Sincera, Valmira)

Ciente que Brandão será o candidato de Dino em 2022, Weverton ensaia rompimento com o Palácio dos Leões já nestas eleições

0
Nestas eleições municipais, Weverton começa a se distanciar de Dino para enfrentar Brandão em 2022…

De inocente o Senador pedetista Weverton Rocha nada tem…

O presidente estadual do PDT sabe que no momento propício o governador Flávio Dino (PCdoB) irá renunciar o mandato para poder disputar as eleições de 2022 seja ao cargo de Presidente da República, Vice ou Senador pelo Maranhão.

A se concretizar o prognostico – como manda o figurino – quem assumirá o comando do Palácio dos Leões será o vice-governador Carlos Brandão (Republicanos).

No governo, Brandão adotará seu “modo de governar” e, por tabela, irá concorrer à reeleição, e detalhe, com apoio de Dino e de todo o PCdoB…

Weverton que se autointitula “virtual” pré-candidato à sucessão do governador Flávio Dino tem 100% de certeza que seu principal adversário na disputa estadual vindoura é exatamente Carlos Brandão.

E por conta do cenário que se desenha, o senador pedetista está se antecipando já nestas eleições municipais e deixando muito claro que irá romper com o Palácio dos Leões até final do primeiro semestre de 2021.

Os sinais desse rompimento iminente não foi apenas no midiático encontro realizado no início deste mês no apartamento da ex-governadora Roseana Sarney, na Península, mas também nas alianças do PDT nestas eleições municipais com os partidos que fazem oposição à Dino e a Brandão em mais de 30 cidades maranhenses.

Weverton busca fazer o maior número de prefeitos para ganhar força no embate contra Brandão. O senador só não espera um pequeno detalhe que lhe aguarda ao abrir das urnas de 2020: sairá minúsculo destas eleições!

Mas essa história, conto em outro post…

Via Blog do Domingos Costa

JATOBÁ | Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do município entre os melhores do Estado

0

O Ministério da Educação – MEC, divulgou essa semana o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de todos os municípios Brasileiros. E os avanços em Jatobá não param.

O município vem numa evolução constante nos últimos anos e alcançou agora a nota 4.8, ocupando a posição 74 no ranking dos municípios do Maranhão e ficando à frente de vários outros municípios importantes.

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi criado em 2007 e reúne, em um só indicador, os resultados de dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: o fluxo escolar e as médias de desempenho nas avaliações. O Ideb é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e das médias de desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB).

“Tudo isso é o mais puro reflexo da política educacional implantada por nós aqui em Jatobá. Esse resultado vem coroar todas as nossas ações e todos os investimento e mais investimentos feitos em todas os setores da educação, principalmente na qualificação do docente e na melhoria da estrutura física das escolas”, comemorou a secretária de Educação Antonia Viana.

 

EDUCAÇÃO | Investimentos fazem IDEB de Colinas crescer mais uma vez

0

O município de Colinas continua registrando melhorias no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, conforme mostra resultado divulgado na terça-feira, dia 15, pelo Ministério da Educação.

 

A rede de ensino de Colinas tem sido beneficiada com investimentos da prefeitura que tem a educação como uma das prioridades. Através da Secretaria de Educação, a prefeitura tem priorizado a formação continuada de professores, bem como a aquisição de livros específicos e material didático de qualidade para o trabalho em sala de aula.

 

Como reflexo do fortalecimento dessa política educacional, Colinas registrou avanços muito significativos na avaliação do MEC. A nota do IDEB divulgada essa semana, conforme noticiou a secretária de Educação, Professora Socorro Borba, passou de 4.1 para 4.3 no ensino fundamental menor e de 3.2 para 4.3 no ensino fundamental maior.

 

“Esse resultado veio atender nossas expectativas durante esses três anos e meio. De 2017 até esses dias nós trabalhamos com objetivo de melhorar os índices educacionais de Colinas e esse resultado é um largo avanço para todos nós”, comemorou a secretária.

 

Ainda segundo a professora Socorro Borba, Colinas também ganhou a medalha de bronze na OBMEP, e o IEGM, índice do Tribunal de Contas, elevou município para o 4º lugar do Maranhão. Antes ocupava a 184 posição no ranking. 

 

“Nossos agradecimentos a toda a equipe da SEMED e a todos os profissionais da educação que elevou Colinas mais uma vez a um mérito que é todo nosso”, disse a secretária. Veja o vídeo.

 

 

PRTB homologa nomes de Vinícius e Raimundo como pré-candidatos a prefeito e vice de Colinas

0
O pré-candidato a prefeito pelo PRTB Marcus Vinícius

O PRTB oficializou os nomes de Vinícius e Raimundo como pré-candidatos a prefeito e vice-prefeito de Colinas, respectivamente, em convenção realizada no início da noite de ontem, dia 15, e os nomes de todos os pré-candidatos a vereador do partido.

Realizado na Chácara Gripo, no bairro Trizidela, o evento do PRTB respeitou todas as medidas de prevenção à Covid-19 como uso de máscara e álcool em gel.

“Queremos uma nova proposta para Colinas, uma nova forma de fazer política, uma política limpa, sem agredir ninguém e só com projetos bons para a cidade. Somos do mesmo partido do vice-presidente da República, General Mourão, e dele tivemos a garantia, em nossa ida a Brasília, que as portas da Capital estarão abertas e que teremos todo o apoio para fazer uma boa gestão na nossa cidade”, disse o pré-candidato Vinícius em seu discurso.

 

NOTAS CURTA DE COLINAS

0

A pontapé

Agora aliado do pré-candidato Antonio Carlos, o senador Weverton Rocha disse que vai lhe abrir todas as portas do mundo em caso de vitória, inclusive as do Palácio dos Leões, que promete abrir a pontapé. Veja.

O comunista ateu

Ao chutar as portas do Palácio dos leões para fazer seu mais novo aliado entrar, Weverton e Antonio Carlos vão encontrar lá dentro o governador Flávio Dino, taxado de comunista ateu por Antonio Carlos nas eleições de 2014. Queria ver a cara de desconfiado de Antonio Carlos olhando pra Flávio Dino.

A luta do século

Com a entrada de Weverton Rocha na refrega eleitoral em Colinas, a batalha a ser travada nas eleições de novembro ficou assim: de um lado os forasteiros Antonio Carlos, que mesmo tendo nascido em Colinas mora em São Luís, e Reinaldo Filho, que é de Passagem Franca e mora em Recife, com o apoio do senador Weverton, que só pisou em Colinas pra pedir votos; e do outro lado os colinenses Valmira e João Haroldo, que não arredam os pés da cidade nem a pau, com o apoio do também colinense Carlos Brandão, que vive e morre por sua cidade.

Não gostou

Cacique do novo partido de Antonio Carlos no Maranhão, o deputado federal Aluizio Mendes não deu o ar de sua graça na convenção que homologou o nome do correligionário como pré-candidato a prefeito de Colinas. O que se comenta nos bastidores é que ele não teria ficado nem um pouco contente com as novas amizades do aliado e que já sentiu no ar que será trocado por Pedro Lucas Fernandes nas eleições de 2022.

Os 12 de Colinas

Da lista de inelegíveis do Tribunal de Contas da União constam os nomes de 12 colinenses, dentre eles o ex-prefeito Everton Costa e seu sobrinho, o vereador Junior Costa. Na relação consta ainda o nome do ex-vereador Biné Moreira.

Karol do Júnior Costa

Impedido de concorrer a reeleição por seu nome figurar na lista de inelegíveis do TCU, o vereador Júnior Costa encontrou uma saída caseira para o problema: vai lançar a esposa Karol em seu lugar. Simpática, inteligente e parceira do marido no importantíssimo trabalho social que Costa realiza há anos na cidade, Karol tem tudo para ser uma das mais votadas nas eleições de novembro.

O Liso

O pré-candidato a prefeito de Jatobá, Vereador Roberto, rotulado pela oposição como “O Liso”, vem mostrando cada vez mais força, juntamente com Romário, pré-candidato a vice. Os dois trazem a bandeira da humildade, simpatia e transparência, trajados de verde e amarelo, conquistando apoios políticos importantíssimos, como o da Professora Ana Lúcia e do empresário Antônio Miguel, dois ex-opositores de peso (foram candidatos a prefeito pela oposição) que declararam apoio à dupla. Diante disso, todos os candidatos a prefeito de Jatobá (situação e oposição), apoiam Roberto e Romário (inédito e histórico), a única exceção é Dr. Gerson, que segue sozinho na oposição.

O Médico

Enquanto o Brasil beira no número exorbitante de quase 150 mil mortes causadas pela Covid-19, Dr. Gerson, um médico formado, experiente, conhecedor das normas de saúde e que já viu de perto pacientes padecerem pela doença, ignorou completamente todos os protocolos sanitários que visam combater a pandemia e liderou uma caminhada pelo Partido Comunista em Jatobá, sem o uso de máscaras, sem distanciamento social e sem uso de álcool em gel, desrespeitando orientações da Secretaria de Saúde do Estado do Maranhão, decretos municipais de Jatobá e até mesmo a Lei Federal nº 14.019/2020 – um total desrespeito com as vítimas (e famílias) da Covid-19. Tal ato irresponsável está sendo analisado pelo Conselho Federal de Medicina, MPE e demais autoridades competentes.

MAIS APOIOS | Família Porto declara apoio à reeleição da prefeita Valmira Miranda

0

Uma das famílias mais tradicionais de Colinas, os Porto, liderada pela matriarca Rita Porto, declarou apoio ao projeto de reeleição da prefeita Valmira Miranda e do vice João Haroldo.

Outrora aliada do ex-prefeito e pré-candidato Antônio Carlos, tendo inclusive o saudoso Luiz Porto ocupado a secretaria de Obras na gestão passada, a família Porto tem uma larga folha de serviços prestados ao município de Colinas, quer seja por intermédio do falecido Luiz Porto quando ocupou a gerência regional da CEMAR, quer seja por intermédio da professora Rita Porto, que já ocupou vários cargos em Colinas e é amiga de longas datas da prefeita Valmira.

“Optamos pela prefeita Valmira pelo trabalho que ela vem desenvolvendo na cidade. Qualquer colinense que ame essa cidade como a gente ama sabe da transformação que a prefeita Valmira bem fazendo em Colinas com obras importantes como a ponte da Trizidela e outras tantas. Nosso apoio é um apoio pelo trabalho”, disse o ex-candidato à vereador Luizinho Porto.

“A prefeita Valmira recebe com muito entusiasmo e alegria esse apoio”, declarou o ex-prefeito Everton Costa, que estava presente no encontro entre a prefeita e os Porto, que teve a participação também do pré-candidato a vereador Gaudêncio Turbinado.

 

ZH ABRE O VERBO: confira trechos da entrevista do ex-prefeito ao programa Conversa Franca

0

O empresário e ex-prefeito colinense Zé Henrique Brandão concedeu na manhã de hoje (15) entrevista ao programa “Conversa Franca”, apresentado pelo jornalista Luiz Filho, na Rádio Guanabara FM.

Durante a entrevista, Zé Henrique falou de diversos assuntos como das ações implementadas pela prefeitura, do volume de obras que a prefeita Valmira tem inaugurado na cidade… Falou da conjuntura política local, dos desafios para um segundo mandado da prefeita, da parceria do Governo do Estado com prefeitura, de ataques, ofensas e sobre diversos temas. Confira abaixo um resumo dos pontos mais importantes da fala do ex-prefeito.

Situação da cidade em 2016 e volta do grupo politico ao poder

No primeiro bloco do programa o ex-prefeito falou dos motivos que levaram seu grupo a disputar as eleições de 2016. Zé Henrique disse que pensou já ter dado sua contribuição para a cidade nos dois mandados de prefeito que exerceu, mas que naquele ano, ao se deparar com a situação caótica em que se encontrava a cidade, com o sistema de saúde em colapso, principalmente com o Hospital Nossa Senhora da Consolação caindo aos pedaços, com sua estrutura física totalmente comprometida, sem medicamentos, sem médicos, que ao se deparar com tudo aquilo, não viu outra alternativa que não encarar aquilo como um desafio para o grupo e que por isso decidiram lançar novamente os nomes de Valmira Miranda e João Haroldo como candidatos.

Segundo o ex-prefeito, a cidade de Colinas em 2016 era uma cidade que nem ambulância tinha. Todo o transporte de pacientes era feito por meio de carros comuns ou caminhonetes sem qualquer estrutura. Ainda de acordo com Zé Henrique, após ser eleita e tomar pé da situação a prefeita Valmira nomeou uma secretária competente e imediatamente começou o processo de recuperação do sistema de saúde do município com uma reforma profunda no hospital que hoje é referência para toda a região. Zé Henrique destacou ainda as excelentes condições físicas do hospital que, mesmo em tempos tão quentes, dispõe de espaços climatizados, todo reformado com grandes equipamentos, com alimentação adequada, médicos de todas as especialidades e medicamentos. O ex-prefeito falou ainda do trabalho que a prefeita realizou no CEO, que é o Centro de Especialidades Odontológicas que, segundo o ex-prefeito, estava totalmente abandonado e até com a mesma tintura deixada pela prefeita Valmira na gestão anterior. E hoje, conforme informou, o CEO é outra realidade. Na área da educação o ex-prefeito destacou várias ações como reformas e construção de escolas, diminuição do índice de evasão escolar com o resgate de mais de 2 mil alunos que estavam fora da sala de aula, dentre outras ações importantes implementadas pela prefeita Valmira.

Expectativa para o futuro, relação com políticos e preparo de Valmira

No segundo bloco da entrevista, o ex-prefeito falou do que espera para Colinas nos próximos anos. Segundo ele, a tendência é que tudo só melhore a partir de agora com a prefeita Valmira realizando várias obras importantes, a exemplos das creches, inclusive com uma já pra ser entregue agora pelo mês de setembro, e que com a chegada do vice-governador Carlos Brandão ao Governo do Estado em abril de 2022 as coisas só tendem a melhorar. De acordo com Zé Henrique, se com Carlos vice-governador muitas coisas foram conseguidas para Colinas, a tendência é que, ele como governador, muitos mais benefícios cheguem a cidade. O ex-prefeito avalia que a prefeita Valmira faz um excelente trabalho e que a população não pode perder a oportunidade de ver um filho da terra governador trabalhando junto com uma prefeita aliada.

Ainda no segundo bloco o ex-prefeito fez uma avaliação da gestão Valmira Miranda. Segundo o empresário, Valmira tem uma histária longa com o grupo Brandão que remota lá de trás, uma história de trabalho, de competência, de humildade, de honestidade. Zé Henrique disse que quando procurou uma pessoa na cidade lá na década de oitenta que pudesse lhe auxiliar, encontrou em Valmira a pessoa certa, que Valmira chegou, por mérito, à prefeitura colinense, graças à sua competência, trabalho e honestidade. Conforme analisa o ex-prefeito, Valmira teve um primeiro mandato bastante conturbado. Isso porque, segundo ele, houve a cassação de Jackson Lago, que era um governador aliado, e a partir daquele momento houve uma grande pressão em cima da gestão de Valmira e ela não pôde realizar o trabalho que pretendia e terminou por não se reeleger. Mas que no segundo mandato a prefeita veio com mais maturidade e mais preparada, que seguramente Valmira é a pessoa mais preparada do grupo para esse cargo, inclusive até mais que o próprio ex-prefeito.

Zé Henrique destacou ainda o fato de Valmira ter conquistado seu espaço na política colinense, que a prefeita hoje tem uma relação de confiança não só com os vereadores que lhe apoiam, a maioria absoluta da câmara, mas também com a população em geral. De acordo com o ex-prefeito, a prefeita Valmira tem o apoio da classe porque vem desempenhando um grande trabalho e que isso é reconhecido por todas as lideranças políticas ao justificarem o porquê de estarem apoiando o projeto de reeleição da prefeita e de se vice João Haroldo.

Parceria firme com o Governo do Estado

O ex-prefeito falou ainda da parceria entre a prefeita Valmira Miranda e o governador Flavio Dino. Zé Henrique agradeceu ao governador Flavio Dino por ter abraçado a causa de Colinas, por ter vindo a Colinas pedir votos e apoiar a eleição da prefeita Valmira e do vice João Haroldo. Segundo o ex-prefeito, Flavio Dino avalizou a chapa vencedora e com isso formou-se uma parceria exitosa que trouxe para Colinas vários benefícios como praças, o Viva Cidadão e Procon, Restaurante Popular, Maternidade de alta complexidade, Iema que será inaugurado no próximo ano, Defensoria Pública que será entregue ainda esse mês, vários quilômetros de asfalto, dentre outras obras importantes. E tudo isso, conforme afirma o ex-prefeito, só foi possível graças a amizade do governador com Colinas e a parceria firme com a prefeitura.

União Valmira e João Haroldo

Ainda no segundo bloco Zé Henrique falou da união entre a prefeita Valmira Miranda e seu vice João Haroldo. Para o ex-prefeito, a chapa Valmira/Joao Haroldo representa a verdadeira unidade do estado, a união do grupo que apoia o governador Flávio Dino. Zé Henrique afirmou que Valmira seguramente não seria candidata se tivesse feito um governo pelo menos razoável, mas que como ela está fazendo um governo muito bom, acima da média geral, inclusive, o grupo achou por bem lança-la candidata à reeleição, renovar a chapa vitoriosa com João Haroldo. Zé Henrique destacou ainda o trabalho que o grupo político fez na reeleição do governador Flávio Dino e na eleição do deputado federal Marcio Jerry. O ex-prefeito disse que em time que está ganhando não se mexe e que essa unidade renovada com a família Barroso representa a união do Estado com o líder maior Flavio Dino, que a chapa Valmira João Haroldo é a chapa apoiada por Flavio Dino.

Canteiro de obras

Sobre as diversas ações obras tocadas pela prefeita Valmira Miranda, o ex-prefeito afirmou que os próximos quatro anos serão bem melhores. Zé Henrique afirmou que a preocupação inicial dele era que as coisas não acontecessem, mas que conforme Valmira foi organizando a gestão, as coisas foram acontecendo e hoje Colinas é um canteiro de obras espalhado pelos quatros cantos do município. Valmira, conforme afirmou o ex-prefeito, recuperou a cidade, fez a ponte da Trizidela do zero, pavimentou centenas e centenas de quilômetros de estradas vicinais como as dos povoados Pavio, Cedro Grosso, Maravilha, Sitio Seco e outras localidades. Zé Henrique pediu ainda para que todos façam uma comparação entre a gestão passada e a atual, comparar uma gestão que trouxe o caos para a cidade com uma gestão de uma prefeita que governa com tranquilidade, competência exemplar e sem escândalo.

Convenção e apoio

Indagado sobre os apoios que a prefeita tem conquistado de diferentes segmentos da classe política local, o ex-prefeito foi enfático ao afirmar que o apoio da classe política é muito importante, mas o apoio que a prefeita tem do povo é mais importante que qualquer coisa. Segundo Zé Henrique, Valmira tem uma relação direta com a população, conhece cada um que mora na cidade porque tanto ela quanto seu vice, João Haroldo, vivem também na cidade e vivem o dia a dia da população, que não é como outros políticos que só aparecem em Colinas de dois em dois anos quando tem eleições.

Weverton Rocha

Questionado sobre o apoio que o senador Weverton Rocha está dando ao candidato adversário, tendo inclusive confirmado presença em sua convenção, Zé Henrique disse lamentar a postura do parlamentar. Isso porque, conforme afirmou o ex-prefeito, todo o grupo político do qual ele faz parte apoiou com toda a força e entusiasmo a eleição de Weverton em 2018, lhe dando mais de 8 mil votos e lhe fazendo o mais votado no município. Zé Henrique disse não ter muito a comentar sobre o assunto, mas que lamenta que o senador tenha ido por esse caminho de apoiar um adversário do governador Flavio Dino, que inclusive na campanha de 2014 agrediu o governador com palavras de baixo calão. O ex-prefeito disse que a única coisa que resta é pedir desculpa aos eleitores de seu grupo que votaram em Weverton e que considera isso uma grande traição por parte do senador. “Ele não honra os votos que recebeu de nosso povo. Além de apoiar um candidato que fez ofensas ao governador, ele também ofende ao povo que votou pra ele. E peço aqui desculpas por isso”, disse o ex-prefeito.

Reinaldo Sousa

Sobre o ex-prefeito Reinaldo Sousa que, conforme informação repassada a Zé Henrique estaria prestes a declarar apoio ao candidato adversário, o ex-prefeito colinense disse que Reinaldo Sousa apoiou a Valmira na eleição passada e fez parte do governo com aliados seus ocupando secretaria, mas que infelizmente condicionou o seu apoio a valores financeiros que estavam foram da realidade do grupo político e da prefeita. Segundo Zé Henrique, os valores propostos por Reinaldo foram absurdos e que não tinham como serem aceitos ou referendados e que considera também o gesto do ex-prefeito de Passagem Franca como uma traição.

Tontonho

No último bloco do programa o ex-prefeito foi questionado sobre os ataques que tanto ele quanto a prefeita Valmira vem sofrendo por parte de alguns membros do grupo adversário. Zé Henrique disse lamentar as ofensas e que não vai responder a ataques e que acha esses insultos desnecessários, e que seu grupo, o grupo da prefeita Valmira, vai mostrar trabalho e não ofender quem quer que seja, e pediu que os adversários fizessem o mesmo, que em vez de ofender as pessoas e famílias que mostrassem trabalho, mostrassem o que fizeram e o que pretende fazer caso vençam as eleições.

Sobre o fato do ex-vice-prefeito tê-lo chamado de ficha suja, que não poderia ser candidato e que por isso teria colocado uma empregada em seu lugar, o ex-prefeito apresentou certidões dos Tribunais de Contas do Estado e da União atestando sua elegibilidade. Zé Henrique lamentou que o advogado tenha optado por fazer esse tipo de política e disse que o conceito que Tontonho tem dele hoje não é o mesmo que tinha no passado, uma vez que até seu vice-prefeito foi no segundo mandato.

Zé Henrique disse também se orgulhar do fato de ex-colaboradores seus terem de destacado na política e tenham ocupados importantes cargos no município, a exemplo do ex-vereador Nonato, que foi seu tratorista, e do próprio vereador Stênio DD que já foi funcionário de suas empresas. O ex-prefeito disse também ter orgulho de Valmira ter sido sua colaboradora no passado e hoje vir se destacando como a melhor gestora de todos os tempos em Colinas.

Pra finalizar, o ex-prefeito disse ainda que não é candidato porque não quer, porque entende que já deu sua contribuição para o desenvolvimento de Colinas, mas que está elegível, conforme pode ser atestado por qualquer um, bastando para isso consultar os sites dos Tribunais de Contas do Estado e União.

“Eu não sou candidato porque não quero. Eu não estou em lista nenhuma de inelegíveis. Eu poderia ser candidato, mas porque não sou? Porque Valmira esta mais preparada que eu. Valmira preenche mais e agrega mais e está mais preparada pra ser prefeita. Eu já dei minha contribuição como prefeito da cidade por duas vezes e acabou”, finalizou.